Apresentação

Início   >   Apresentação


Idealizada em agosto de 1988, a Academia de Música Fernandes Fão (AMFF) iniciou funções ainda nesse ano letivo de 1988/1989, celebrando escritura pública no Cartório Notarial de Caminha em 03-05-1989, data da sua efetiva constituição. Após o processo de reconhecimento tido a 15-10-1988, a AMFF tem vindo a corresponder aos objetivos a que se propôs, detendo, atualmente, autonomia pedagógica, lecionando, em regime articulado e supletivo, os cursos básicos de música e secundário de música, no enquadramento do ensino artístico especializado, para além das iniciações musicais e cursos livres.

Os longos anos de funcionamento da AMFF concedem-lhe já uma implantação e reconhecimento nacional e internacional. Tem-se afirmado como uma instituição promotora da cultura artística da música com mérito reconhecido, sobretudo no que respeita à qualidade dos alunos que tem formado, atestada pelas dezenas de prémios que os mesmos têm obtido em Concursos Nacionais e Internacionais, pelas Masterclasses que organiza e pelos currículos relevantes dos músicos que as orientam, sendo frequentadas por alunos oriundos de todo o país, da vizinha Galiza, e de outras origens, de todos os níveis de ensino, incluindo o ensino superior.

Destacam-se no seu projeto e ação o Concurso Internacional de Piano do Alto Minho e o Concurso Internacional de Sopros do Alto Minho, organizados anualmente pela AMFF e que contam com uma larga participação de crianças e jovens de Portugal e Espanha, ao que se somam iguais participações nos recentes concursos anuais de guitarra (Concurso Internacional de Guitarra) e cordas (Concurso Internacional de Cordas Artur Fernandes Fão). 



Igualmente promove projetos artísticos destinados ao grande público, como o espetáculo anual AMFF in CONCERT, e outros que estimulam o crescimento artístico dos alunos numa estreita relação com a comunidade, do que é exemplo o Piano Fórum que todos os anos é acolhido em Vila Praia de Âncora.

A relevância da AMFF mede-se ainda no seu papel na dinamização cultural da região, promovendo músicos e compositores portugueses e estrangeiros contemporâneos e abordando diferentes tipos de Música e de Artes, aliando-se a projetos artísticos singulares, do que é exemplo a estreita ligação com a Fundação Bienal de Arte de Cerveira e a colaboração com os Municípios e Agrupamentos de Escolas/Escolas não agrupadas com os quais detém protocolos de articulação pedagógica.

A AMFF acolhe alunos dos Concelhos de Caminha, Ponte de Lima, Viana do Castelo, Vila Nova de Cerveira e de Melgaço. A origem e vasta distribuição geográfica dos alunos da AMFF implicam uma enorme mobilização de recursos humanos e materiais, conseguida pelo esforço e dedicação de todos os colaboradores, em todos os polos e secções da AMFF.


A direção

Continuar a navegar no nosso website implica a aceitação da nossa Política de Cookies - Saiba mais aqui